Bloguinho Infantil

Neste bloguinho vamos contar histórias, contos e escrever poesias.
E você também pode participar com textos, desenhos e versinhos.

Tem jogos, diversões, receitinhas fáceis e muito mais!


Clique na Alice com sua gatinha Dinah

Contato do Bloguinho

Calendário


Reloginho

Depende de você!

Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo

Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo
Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo (clique na Emília)

O Bloguinho nasceu em 9 de setembro de 2010

O Bloguinho nasceu em 9 de Setembro de 2010

Número de visitas que já recebeu:

contador de visitas
Pessoas online

Borboletas

Gatinho brincalhão

Curta Livro com Pezinhos no Facebook
Informe-se através do e-mail:livrocompezinhos@yahoo.com.br

quinta-feira, 29 de março de 2012

A CHOCA


Luzia Stocco

A galinha choca
Choca seus ovos sem descansar
Só sai pra comer ou se alongar
São 12 ovos quentes
A casca quase a quebrar-se!
Toc toc toc! Partiu uma
Partiram-se duas e três!
Quantos filhotes nascendo
De uma só vez!
O mais fraquinho bicando
Sua casca, devagarinho
De penas rajadas, amarelas e pretas...
Ei! Esperem-me!
Estou atrasado mas vivo!
Vou com vocês, meus irmãos!
A mãe-coruja cacareja
Sorrindo seu sorriso de choca
Vai ciscando o alimento
Para os bicos dos filhinhos
Ela é ovípara
Não tem leite, amiguinhos!

quarta-feira, 28 de março de 2012

ÁGUA – UM PRESENTE DA NATUREZA

Caroline Firmino – 6º ano A

Em comemoração ao dia mundial da água, os alunos da escola “Catharina Casale Padovani” visitaram o rio Corumbataí para observarem o local. Eles encontraram muitas árvores, diversas plantas e viram também casas em frente ao rio. Foram acompanhados pela coordenadora Claudia e pelos professores André, Jussara e Buião.
Os alunos viram lixo no meio das árvores, bem perto do rio. Os professores explicaram para os alunos como funciona a erosão e o esgoto doméstico e quanto isso tudo jogado no rio, causa poluição.
Neste dia especial, eles aprenderam muitas coisas, uma delas foi - quando os pescadores vão pescar , os peixes podem estar doentes, por causa da água suja do rio , o que pode prejudicar a saúde de quem comê-los.
De tudo isso, aprenderam uma importante lição neste dia mundial da água : poluir não é bom , prejudica a água, a nossa saúde e deixa feia a Natureza.

terça-feira, 27 de março de 2012

HOJE É DIA DO CIRCO!

Circo é tudo de bom! Alegria, alegria!!!

Pipoca, algodão doce, pirolitos, palhaços, malabaristas, bailarinas, mágicos, equilibristas, ilusionistas, trapezistas, globo da morte e outras atrações.
Só não vale ter animais porque o lugar deles é nas florestas e não presos em jaulas minúsculas à mercê de treinadores que nem sempre os tratam bem. Muitos espancam e deixam os animais passarem fome até aprenderem truques. Alguns arrancam as presas e as unhas dos animais que ficam estressados e depressivos.


Quem já não foi a um circo e assistiu espetáculos com animais amestrados? Parece tudo muito bonito, mas o que rola atrás dos bastidores pode não ser tão lindo assim...
O que há de tão interessante em ver animais ridicularizados, como ursos na bicicleta ou cães jogando futebol?
Mesmo se bem alimentados, falta o espaço físico para eles. Os exercícios repetitivos causam problemas sérios e nem sempre os bichos são treinados com paciência. É nosso dever, como cidadãos conscientes, lutar por leis que permitam mais liberdade para os animais. Que triste ficar preso a vida inteira numa jaula minúscula, e ser obrigado a fazer coisas que não se quer!
Todo mundo já viu, em programas de televisão, ou leu, em jornais ou revistas, o treinamento desumano que se dá aos bichos que atuam nesses espetáculos. Elefantes sendo surrados com barras de ferro e grandes felinos recebendo choques e chicotadas para aprenderem aquilo que os humanos acham “divertido”. Elefantes são espetados com anzóis nas orelhas para serem puxados quando desobedecem.
Leões têm seus dentes serrados e as garras arrancadas para prevenir acidentes. Os animais ficam estressados e tristes. E sem se exercitarem, acabam flácidos e doentes.
O treinamento dos ursos que dançam também é cruel. Eles são colocados, desde filhotes, sobre chapas quentes ao som de uma música. Com a repetição contínua da tortura, toda vez que ouvem a música, já começam a “dançar”.
Só o fato de ficarem presos em jaulas pequenas e viajarem constantemente de um estado para outro sob forte calor, sacolejando nas estradas esburacadas, já é triste demais.
Graças a Deus a mentalidade está mudando e muitos países já proíbem espetáculos circenses envolvendo animais. Existem muitas outras atrações que agradam o público e os circos acabam gastando bem menos com alimentação e segurança sem a presença deles. Sem falar nos treinamentos, que são uma violência, pois os animais são privados de comida e só recebem alimento quando fazem o que lhes é ensinado.
Tanto a mentalidade está mudando, que crianças entre 9 e 12 anos, entrevistadas para o jornalzinho de um grande jornal de São Paulo, foram unânimes em afirmar que têm muita pena dos bichos de circo, apesar de acharem fascinante vê-los de perto.
Por isso, amiguinho, só prestigie os circos e espetáculos nos quais os animais não são explorados. Estará valorizando mais o trabalho do artista e protegendo os animais.
Lembre-se: CIRCO LEGAL NÃO TEM ANIMAL! Abaixo a crueldade!

quinta-feira, 22 de março de 2012

Dia Mundial da Água

Declaração Universal dos Direitos da Água


Art. 1º - A água faz parte do patrimônio do planeta.Cada continente, cada povo, cada nação, cada região, cada cidade, cada cidadão é plenamente responsável aos olhos de todos.


Art. 2º - A água é a seiva do nosso planeta.Ela é a condição essencial de vida de todo ser vegetal, animal ou humano. Sem ela não poderíamos conceber como são a atmosfera, o clima, a vegetação, a cultura ou a agricultura. O direito à água é um dos direitos fundamentais do ser humano: o direito à vida, tal qual é estipulado do Art. 3 º da Declaração dos Direitos do Homem.


Art. 3º - Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados. Assim sendo, a água deve ser manipulada com racionalidade, precaução e parcimônia.


Art. 4º - O equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e de seus ciclos. Estes devem permanecer intactos e funcionando normalmente para garantir a continuidade da vida sobre a Terra. Este equilíbrio depende, em particular, da preservação dos mares e oceanos, por onde os ciclos começam.


Art. 5º - A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores. Sua proteção constitui uma necessidade vital, assim como uma obrigação moral do homem para com as gerações presentes e futuras.




Art. 6º - A água não é uma doação gratuita da natureza; ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo.


Art. 7º - A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada. De maneira geral, sua utilização deve ser feita com consciência e discernimento para que não se chegue a uma situação de esgotamento ou de deterioração da qualidade das reservas atualmente disponíveis.


Art. 8º - A utilização da água implica no respeito à lei. Sua proteção constitui uma obrigação jurídica para todo homem ou grupo social que a utiliza. Esta questão não deve ser ignorada nem pelo homem nem pelo Estado.


Art. 9º - A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades de ordem econômica, sanitária e social.




Visite o site Rios do Brasil:

terça-feira, 20 de março de 2012


MOVIMENTO INFANTO-JUVENIL CRESCENDO COM ARTE E PARQUE ESTADUAL DA CANTAREIRA - SÃO PAULO, PROMOVEM PROJETO CONHECER PARA PRESERVAR
TEMA 2012:
"ARTES E ARTISTAS DA NATUREZA"
CONCURSO NACIONAL DE VERSO E ARTE PARA CRIANÇAS E JOVENS DE 6 A 16 ANOS


Regulamento aqui

domingo, 18 de março de 2012

Dia da Poesia - Entrevista para o Jornalzinho


Maísa de Moraes Valim foi entrevistada pelo Jornalzinho no Dia Nacional da Poesia

MEU SONHO
Maísa de Moraes Valim – poesia composta aos 8 anos

Um sonho tão real
que eu até entraria nele.
Nunca vou contá-lo para ninguém
Vou contar só para você!
O meu sonho é  o papai e a mamãe
juntinhos comigo.

sábado, 17 de março de 2012

A BORBOLETA FEIA


Letícia Zambetta Romanini (7 anos – 2º ano)

A borboleta era muito feia
As outras eram lindas
Ela ficou com ciúme
E falou:
- Eu queria ser linda como as outras...

Cabo de Aço - quem será que vai ganhar?

Você já brincou de "Cabo de Aço"?  Cada turma puxa de um lado e quem conseguir trazer os que estão do outro lado para perto, ganha!
Meninos de um lado e meninas de outro.
Ou então, vejam estes gatinhos e cachorrrinhos brincando. Quem será que vai ter mais força e ganhar? Saõ quatro contra três!

sexta-feira, 16 de março de 2012

quarta-feira, 14 de março de 2012

Lançamento de livro infantil

Recebemos este amável convite da premiadíssima autora nacional, que tem entre outros inúmeros e cobiçados prêmios, o primeiro lugar no Escriba de Contos de Piracicaba
Oi, gente!

Convidem a família, os amigos, gato, cachorro, papagaio — mas principalmente as crianças (de qualquer idade!) — para o lançamento do texto de teatro infantil MEUS OLHOS SÃO TEUS OLHOS, de Flávia Savary.

Ilustrado por Alexandre Rampazo e editado pela Positivo, a tarde de autógrafos do livro acontecerá dia 18 de março, domingo, a partir das 16 horas, na Livraria da Travessa do Leblon.

O endereço é Rua Afrânio de Melo Franco, 290, Loja 205-A, no Shopping Leblon.

Anexo, seguem release e convite: divulguem e apareçam!

Espero todos lá, será uma alegria recebê-los. Beijão carinhoso e até dia 18 de março!

Paz e Bem,

Flávia Savary
VISITE O SITE: www.flaviasavary.com

segunda-feira, 12 de março de 2012

Moda Indiana

Mariana - Namastê!
Adoramos estas roupinhas que a vovó trouxe pra gente!
Na Índia, as mulheres e até meninas pequenas usam muitas pulseiras, brincos, anéis e adereços coloridos e o tilak, um enfeite colado na testa entre os olhos.
O bindi, o sindoor ( traço vermelho aplicado na testa) e o tilak são adereços muito usados pelas mulheres e carregam vários significados e demonstram toda a espiritualidade do povo indiano. 
Bindi significa ponto, e é conhecido como o terceiro olho, pois é colocado no meio da testa entre os olhos. Antigamente era feito com os dedos mergulhados num pó chamado kumkum, que misturado à água virava uma espécie de corante.
Hoje existem centenas de modelos feitos com lantejoulas, pedras preciosas, glitter ou pérolas.


Talita - Muitas cores!
A Índia é um show de cores e brilhos!

Ana Clara -  Muito brilho dourado!
O traje típico das mulheres na Índia é o Sari, um pano de 5 metros que é modelado no corpo, geralmente bordado e com brilhos, muito bonito!

sexta-feira, 9 de março de 2012

Lançamento de livro infantil


O segundo livro infantil de Luzia Stocco, com ilustrações coloridas de Jacqueline Thaís Stocco Gonçalves, é Intitulado O Trenzinho Zuzu & Zig Zag e a Menina Teca. São duas histórias. A primeira é a trajetória de uma centopeia com sua família e vizinhos. Na segunda, o narrador é o bigato Zig Zag que interage com Teca, uma garota esperta que mora com a avó e está se descobrindo, está aprendendo a conviver com os seus momentos de tristeza, de dúvida e de alegria e tudo anota em seu caderninho. Permeadas por diálogos poéticos e belíssimas ilustrações, as histórias incitam a curiosidade, as peculiaridades da natureza onde nos inserimos e os sentimentos como a sensibilidade, o carinho, uma boa conversa e a confiança nas relações familiares e outrem. A própria imagem já nos diz algo além do cotidiano e do jogo lúdico inteirado ao texto. Linguagem simples, mas profunda, diria filosófica, por que não?! Eloquente às crianças entre 1 a 6 anos, mas creiam, dará gosto também aos maiores! Luziastocco@ig.com.br; blog www.literarteLuziaStocco.blogspot.com
Professora de História da rede estadual, atriz, autora dos livros A Menina do Bairro Fria (romance autobiográfico, publicado em 2010) e A Costureira e o Clown (conto infantil, 2011)

segunda-feira, 5 de março de 2012

A História do Taj Mahal



Conta-se que há muito tempo atrás, um imperador da Índia, Shah Jahan, apaixonou-se perdidamente pela bela Aryumand
Viveram felizes por muitos anos, tiveram 13 filhos e ela adoeceu quando esperava a décima quarta criança. Ele estava numa missão e um mensageiro do palácio veio avisá-lo  com urgência que ela não estava bem.
Quando chegou, a esposa amada estava no leito de morte em seus últimos momentos. Antes de dar o derradeiro suspiro, fez três pedidos ao amado: que cuidasse bem das crianças, que não se casasse de novo e que fizesse um túmulo bem bonito para ela.
O monarca caiu em tristeza profunda e imediatamente começou a construir um mausoléu inteirinho de mármore branco, o mais belo monumento que mostrasse ao mundo o seu imenso amor.
Ele não se casou nunca mais, criou os filhos e levou 22 anos para terminar a obra de arte, o Taj Mahal, que abrigaria os restos mortais da esposa. Mais de vinte mil trabalhadores foram empregados na obra, que foi feita com blocos de mármore da Índia, ametistas persas, pedras turquesas tibetanas, lápis lazuli do Afganistão entre outras pedras preciosas.
O mausoléu é uma das mais belas construções do mundo, uma das sete maravilhas da humanidade.
Que linda  e comovente história de amor!

Leve o Bloguinho para o seu site!

Marcadores

Administradoras do Bloguinho

Carmen Maria da Silva Fernandes Pilotto
Ivana Maria França de Negri



Minha lista de blogs e links legais

Brinque com o Totó

Alimente os peixinhos

Clique nos peixinhos

Alimente as Tartaruguinhas

Alimente o sapinho

Brinque com os pinguins

Hamster


Clique e estoure!

Migui adotado pela Mariana

Dê banho no Cascão

Espinho - cuide bem desse bichinho

Brinque com o cãozinho Bob

Esta é a Florzinha - Come cenouras e pula

Brinque com a gatinha Lolita

Amigo não se compra! Adote!