Bloguinho Infantil

Neste bloguinho vamos contar histórias, contos e escrever poesias.
E você também pode participar com textos, desenhos e versinhos.

Tem jogos, diversões, receitinhas fáceis e muito mais!


Clique na Alice com sua gatinha Dinah

Contato do Bloguinho

Calendário


Reloginho

Depende de você!

Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo

Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo
Mundo do Sítio do Pica-pau Amarelo (clique na Emília)

O Bloguinho nasceu em 9 de setembro de 2010

O Bloguinho nasceu em 9 de Setembro de 2010

Número de visitas que já recebeu:

contador de visitas
Pessoas online

Borboletas

Gatinho brincalhão

Curta Livro com Pezinhos no Facebook
Informe-se através do e-mail:livrocompezinhos@yahoo.com.br

sábado, 19 de setembro de 2020

Diploma Thales Castanho de Andrade

Os três agraciados com o Diploma Thales Castanho de Andrade:
 

 Heitor Barbosa Previtalli, 14 anos, foi indicado pela Biblioteca Municipal por ser assíduo frequentador do estabelecimento

Ana Clara de Negri Kantovitz, 13 anos,  é ilustradora de 5 livros infantis e foi selecionada e premiada por duas vezes no Salãozinho de Humor de Piracicaba
Tiago |Guarnieri Betti, 10 anos, já leu mais de mil livros e está escrevendo o próprio livro.




segunda-feira, 7 de setembro de 2020

Thales Castanho de Andrade e eu



Cássio Camilo Almeida de Negri

            Revolvendo os escaninhos de minha mente, nos meus profundos “sankaras” desta encarnação, procurei pela primeira história que eu me lembrasse de ter ouvido na vida.
            Meus pensamentos foram progredindo até a idade de quatro anos.
            Me vi sentado no chão forrado com um pano de algodão branco, parecendo um saco de açúcar alvejado. Pernas cruzadas, e ao meu lado, uma jovem negra de uns vinte anos, também sentada na minha frente, contando-me uma história.
            Ela era semi analfabeta, mas conhecia muitas narrativas e lendas, e eu adorava ouvi-la.
            Vi essa moça negra, de riso fácil envelhecer, tornar-se uma senhora,transformar-se em idosa e falecer aos 82 anos. Foi minha segunda mãe e me acompanhou em toda trajetória de vida.
            Mas voltando aos quatro anos, sentado no saco branco alvejado, que ela dizia que era para eu não tomar a friagem do chão de cimento vermelho, ela me contava a história do Agapito. Eu conhecia a história de Thales Castanho de Andrade intitulada El Rei Dom Sapo, como a história do Agapito.
            Sempre que meus pais saíam para dar aulas, eu ficava com ela, sentávamos nos panos e eu pedia:
            -“Bá (o nome dela era Sebastiana), você me conta a história do Agapito?”
            Quando ela terminava, ainda me contava as fábulas de Esopo, Branca de Neve, A raposa e as uvas, e também contava as lendas de Piracicaba como a da Inhala Seca e do Capitão Nhô Lica. Mas a que eu mais gostava mesmo era a história do Agapito.
            Meus pais eram professores, e como mamãe tinha sido aluna do professor Thales, tínhamos em casa o livro Saudade e os pequenos livros ilustrados de histórias infantis onde eu observava as figuras, como a do capítulo I e do capítulo XI no fim da história, onde existe uma casinha, uma mulher dando milho para as galinhas e um mastro de festa de São João no terreiro.
            Eu me imaginava brincando feliz nesse pátio poeirento de terra dessa ilustração esperando que a porta da casinha se abrisse e de lá saísse o Agapito para brincar comigo.
            Já um pouco maior, minha mãe contava sobre Thales, seu professor, e até quando nos deliciávamos ocasionalmente com  Cotubaína, ela dizia que a fábrica era da família Andrade, e ficava defronte à Escola Moraes Barros.
            Já adulto e avô, tenho saudades da minha netinha Ana Clara pequena (agora adolescente) me pedindo:
            “Vovô, conta a história do Agapito para eu dormir?” E sempre, logo após Nhô Fidelis e Nhá Vicência terem encontrado o bebê negrinho abandonado na porta de sua casa, ela já estava dormindo...


Obs: Quem ficou curioso para saber de toda história, leia El Rei Dom Sapo e todas as outras histórias desse escritor pioneiro, e deguste as lições de ecologia em cada narração, na minha opinião, maior que Monteiro Lobato. Só que este, teve muito mais propaganda e divulgação de suas obras.

sexta-feira, 4 de setembro de 2020

Corona Vírus - Meus dias sem ir à escola



Poesias feitas pela aluna Maisa – 5º ano
E.M. Nathalio Zanotta Sabino – Professora Sonia Amaral

CORONAVÍRUS
              Maisa Alcantara da Silva 10 anos

Aproveite a quarentena
Para brincar e estudar
Higienize as mãos
Para o vírus não pegar.

Vamos nos cuidar
Para tudo melhorar
Quando o vírus passar
Iremos todos abraçar!

MEUS DIAS SEM IR À ESCOLA
        Maisa Alcantara da Silva

Por causa da Pandemia
À escola não vamos
Mas entrando em casa
A mamãe  ajudamos. 

Sem ir à escola
Também acordo cedo
Ajudo nos afazeres da cozinha
E também a tratar das galinhas.

Arrumo meu quarto
Bem rápido
Para fazer a lição
E brincar de montão!

terça-feira, 1 de setembro de 2020

A Sapucaia da Paz


A escritora e presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba, Valdiza Maria Capranico,  está lançando o livro que infantil que conta a saga da centenária Sapucaia.
Quem desejar um exemplar entre em contato com o IHGP.

sexta-feira, 21 de agosto de 2020

Dicas de leitura de Alessandra e Tiago Betti



Ele conhecia cada um dos moradores e chegou a viver com eles, um pouquinho das alegrias, das tristezas, das esperas da chegada, de uma carta, um sedex, um cartão postal. Esse livro conta a história de um carteiro que trabalhou por muitos anos, entregando correspondências no mesmo bairro. Livro maravilhoso! Me lembrei da minha infância, dos bilhetes, das cartinhas, dos selos... e aproveitando o momento, farei com meu filho uma brincadeira bem divertida que foi citada aqui, a da carta enigmática... Hoje podemos enviar mensagens instantâneas e a maioria das correspondências que recebemos são contas, mas você já mostrou ao seu filho, que nem sempre foi assim? Nesse mundo digital que vivemos, ainda é possível se surpreender com coisas simples, usando apenas a imaginação, uma folha de papel e um lápis ou uma caneta.

domingo, 16 de agosto de 2020

Poemas baseados na "Porta" de Vinícius de Moraes


Minha porta
       Maísa Alcantara da Silva- 10 anos

Eu sou feita de aço
Aço, material forte
Quem passa por mim
Tem a maior sorte.

Eu abro de montão
Quando estamos no verão
Já quando estamos no friozinho
Eu abro devagarinho.

Durante o dia
Eu abro para o Sol entrar
Durante a noite
Eu fecho para o frio não passar!  

A minha porta
   João Pedro da Silva Aquino Santos – 10 anos
Sou porta feita de madeira
Muito udra
Tem dobradiças em mim
E também fechadura.
Já me abriram na chegada
Me  fecharam na partida
Sou a porta da entrada
Sou a porta da saída.
Alunos da professora Sônia Amaral, Escola Municipal Nathalio Zanotta Sabino, bairro Ibitiruna.


segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Dicas de livros de Alessandra e Tiago Guarnieri Betti

A Lenda da Noiva da Colina


Esse livro fala sobre uma das preciosidades da cidade de Piracicaba - a noiva da colina, e seu maravilhoso salto, o véu da noiva.. que nos encanta com sua força e beleza.
 Tudo começou com uma linda história de amor entre a belíssima Iraci e o pescador Ari.. os quais na véspera do casamento, foram surpreendidos por um evento que marcou para sempre suas vidas. Dizem que nas noites mais escuras, ainda hoje, é possível ver a noiva a chorar de tristeza por seu amor, na colina. História de pescador?
 Quem sabe? 
Recomendamos!!!

Lenda da Noiva da Colina

Com o apoio do Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba, Ivana Maria França de Negri está promovendo um pré lançamento do livro infantil  “Lenda da Noiva da Colina”. 
Com prefácio de Valdiza Caprânico, presidente do IHGP e ilustrações de Ana Clara de Negri Kantovitz.  
Por conta da pandemia, o lançamento será apenas virtual, já que não se pode gerar aglomerações. Em 2021, acontecerá o lançamento oficial.



Leve o Bloguinho para o seu site!

Marcadores

Administradoras do Bloguinho

Carmen Maria da Silva Fernandes Pilotto
Ivana Maria França de Negri



Minha lista de blogs e links legais

Arquivo do blog

Brinque com o Totó

Alimente os peixinhos

Clique nos peixinhos

Alimente as Tartaruguinhas

Alimente o sapinho

Brinque com os pinguins

Hamster


Clique e estoure!

Migui adotado pela Mariana

Dê banho no Cascão

Espinho - cuide bem desse bichinho

Brinque com o cãozinho Bob

Esta é a Florzinha - Come cenouras e pula

Brinque com a gatinha Lolita

Amigo não se compra! Adote!